segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

Seis dias sem a PM nas ruas

PORTAL BO
Arrombamentos, roubos de carros e motos, assaltos, homicídios. A insegurança que o Rio Grande do Norte passa está deixando moradores assustados. Seja em Cidade Alta, no Alecrim ou Petrópolis. O medo está em todas as regiões.
Desde a terça-feira (19) a Polícia Militar não está nas ruas por falta de pagamento. A categoria está com salários atrasados desde novembro, e por este motivo, os bandidos estão agindo como querem.
O governo do Estado solicitou apoio federal e conseguiu 70 policiais da Força Nacional para amenizar a insegurança. São 12 viaturas. Número pequeno para resolver o problema em época de Natal onde a circulação de pessoas aumenta nas ruas.
A atitude da Polícia Militar é um gesto legítimo. Como trabalhar sem estrutura e sem salários? Algumas viaturas estão com pneus carecas e com documentação atrasada. Muitos coletes a prova de bala estão vencidos, além do armamento que falta munição.
Na véspera de Natal, o Rio Grande do Norte vive uma crise sem precedentes.