quarta-feira, 8 de novembro de 2017

NOTA DE SOLIDARIEDADE

ASSOFME
É com perplexidade e repulsa que a Associação dos Oficiais Militares Estaduais (ASSOFME) recebe as agressivas acusações da Senhora Secretária da Segurança Pública e Defesa Social, delegada de Polícia Civil, Sheyla Freitas, contra o Coronel André Azevedo, ex-comandante da Polícia Militar e dos mais brilhantes oficiais da instituição.
Atribuir ao Coronel Azevedo qualquer trama para gerar crise na Polícia Militar é demonstrar despreparo e desprezo ao estado de penúria por que passam os militares estaduais, oficiais e praças, aposentados e da ativa, bem como as pensionistas de nossa classe.
A nosso sentir, a Secretária ultrapassou os limites da inconsequência, afrontando um policial que orgulha e defende seus companheiros de farda, que, na ocasião, nada mais desejam do que receber os seus salários; e mais ainda, deixando para Deus sabe quando, o pagamento dos nossos aposentados e pensionistas.
Manifestamos nossa irrestrita solidariedade ao Coronel Azevedo. Assim deve proceder um líder de verdade, defendendo os seus, jamais escondendo-se atrás de funções transitórias para esquivar-se ou terceirizar responsabilidades, prática que, aliás, já é usual no atual Governo.
Natal, 7 de novembro de 2017.
Associação dos Oficiais Militares Estaduais




Nenhum comentário:

Postar um comentário

CNCLASSIFICADOS.COM (NOVEMBRO DE 2017): CONFIRA NOSSOS PRODUTOS E FAÇA UM ÓTIMO NEGÓCIO

VENDE-SE CASA COM ESTRUTURA DE 1º ANDAR EM CURRAIS NOVOS, CASA DE ESQUINA, GARAGEM PARA 03 CARROS, SALA DE VISITA, 3/4 (01 SUITE), 02 BAN...