sábado, 25 de novembro de 2017

Mossoró registra o 216º homicídio de 2017. Homem foi morto a tiros na Ilha de Santa Luzia

PASSANDO NA HORA
FOTO: FIM DA LINHA
O Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), registrou mais um crime de homicídio por volta das 00:10hs deste sábado 25 de novembro de 2017 em Mossoró no Rio Grande do Norte.
A ação criminosa ocorreu na rua Filgueira Filho por trás da L.E Pneus na Ilha de Santa Luzia.
A vítima identificada como Ricardo Pereira da Silva 34 anos de idade se encontrava em via pública quando foi executado por elementos em um carro de cor branca.
Testemunhas informaram que foram ouvidos mais de 30 disparos.
Uma Ambulância ALFA com Suporte Avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU 192 foi acionada e constatou o óbito.
A Polícia Militar isolou o local do crime até que a equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia - ITEP pudesse realizar seu trabalho.
No local foram localizados segundo o perito criminal Jader Viana, cerca de quinze estojos e cápsulas de calibre 380. Na vítima pelo menos oito perfurações em perna, nádegas e nuca. Dr. Roberto Moura e PC Wilson levantaram as primeiras informações no local, e a Polícia Militar acredita de comum acordo com a Civil de toda certeza atribui a morte do jovem com a velha rixa entre Papoco e Pirrichil. Familiares desolados e inconformados relatavam que "Negada" como era mais conhecido não tem envolvimento com nada. Trabalha como flanelhinha na praça do relógio, e na hora que foi morto, aguardava uma vizinha entrar em casa para depois ir pra sua e foi surpreendido teria tentado escapar mas não conseguiu. Para a polícia quem estivesse na rua teria morrido mesmo que sendo inocente que foi o caso de Ricardo. Lamentável.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

PM de Currais Novos prende acariense com cocaína e evita suposto assalto a um mototaxista

O MELHOR  PREÇO DE MEDICAMENTOS DA CIDADE VOCÊ ENCONTRA AQUI, VENHA CONFERIR MAIS DE 30 ANOS ATENDENDO A POPULAÇÃO CURRAIS...