terça-feira, 4 de julho de 2017

Suspeita de envolvimento em morte de policial militar se apresenta a Polícia Civil e fica presa por determinação da justiça

FIM DA LINHA
Maria Paula Dantas dos Santos de 24 anos de idade, moradora do bairro Nova Vida em Mossoró, foi presa na tarde desta segunda feira 03 de junho, por determinação da justiça. 
A jovem é acusada de participar da ação criminosa que terminou com a morte do policial militar, Carlos Eduardo Alves, morto durante um assalto Areia Branca no dia 14 de junho desse ano.
Maria Paula estava foragida e foi preso no momento em que se apresentava na Delegacia Regional em Mossoró, em companhia de seu advogado. Ela não sabia que havia um mandado de prisão expedido pela comarca de Areia Branca em seu desfavor. 
De acordo com o delegado regional Dr. Denys Carvalho, com a prisão de Maria Paula, que era a última acusada de participar da morte do PM, que ainda estava em liberdade, o inquérito está concluído e deverá ser remetido a justiça ainda esta semana. 
Após ser presa a jovem foi encaminhada ao Instituto Técnico de Perícia, onde se submeteu a exame de corpo de delito e em seguida recambiada ao Pavilhão Feminino da Penitenciária Mário Negócio em Mossoró. 
Segundo a polícia cinco criminosos tiveram participação direta e indiretamente na ação que terminou com a morte do Policial, Carlos Eduardo, que trabalhava em Natal e que estava passando férias em Areia Branca.
O assalto ocorreu em um restaurante e na ocasião o policial foi morto ao reagir a ação dos bandidos, dois assaltantes foram presos, um deles, Adriano Bezerra da Silva o "Catatau" foi baleado ainda naquela cidade.
Afonso Rafael Arruda da Silva e Anderson Silva de Melo, “Andinho” foram mortos durante uma troca de tiros com a PM na Favela do Velho em Mossoró.
Francisco Wênio Santos Rocha, foi preso também na Favela do Velho com um veículo roubado e usado no assalto em Areia Branca. A justiça expediu mandado de prisão contra ele.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Itep conclui identificação criminal dos presos

PORTAL BO O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (ITEP-RN) está dando prosseguimento ao trabalho de identific...