quarta-feira, 7 de junho de 2017

DEHOM apresenta 03 armas de fogo apreendidas que estão relacionadas a homicídios praticados em Mossoró

PASSANDO NA HORA
Delegado da DEHOM em Mossoró Dr. Rafael Arraes, não está medindo esforços junto com sua equipe, desde o crime praticado na madrugada de domingo pra segunda, onde a vítima "Ceará" foi executado em via pública na área do São Manoel em Mossoró. 
Como o crime de ontem 05, que para o delegado o crime está relacionado como sendo uma represália ao crime contra o "Ceará", eles receberam uma denúncia que uma pessoa teria achado uma arma de fogo com cano quebrado no local onde o Ceará teria sido morto.
Chegando a casa da pessoa indicada pela denúncia anônima, os policiais lograram êxito, porém o delegado acreditou na versão do Sandro Lourenço Costa.
Ele informou ao delegado que apenas passava pelo local, que é caminho de sua residência e apanhou a arma.
Sandro foi autuado por posse ilegal de arma de fogo, haja vista que a arma estava dentro de sua residência, e após constatar que o mesmo não possui passagem pela polícia, e nem mandado contra ele, após pagar fiança será liberado segundo o delegado.
Ao término do primeiro flagrante, sua equipe chegou com mais duas armas de fogo, que foram apreendidas na mesma região, de onde uma pessoa foi morta na rua Primeiro de Maio na noite de ontem, 05 e outra pessoa, um adolescente de 15 anos foi baleado e socorrido para o HRTM em estado crítico. Segundo o delegado, ele ainda vai ouvir duas pessoas que foram conduzidas para a DEHOM, e após ouvir os dois, irá esclarecer a situação em que duas armas de fogo sendo uma 12 caseira e um revólver foram localizadas na região da vargem por sua equipe.
Para o delegado não resta dúvida que as três armas de fogo tem relação aos crimes praticados nas últimas 48 horas. "Quando eu ouvir as pessoas apresentadas por minha equipe aqui, e eu autuar, eu entro em contato com vocês e passo as informações precisas, pois estou acabando de receber esse flagrante'.
Em relação ao Sandro já foi feito o que tinha que ser feito. Ele não tem passagem pela polícia nem relação com os crimes. Apenas achou uma arma onde o Ceará foi morto. Finaliza o delegado. Delegado destaca o paio da Polícia Militar e PRF na apreensão das duas armas de fogo.
Outro preso durante a ação policial, Alex Xavier de Araújo de 20 anos, estava de posse de uma Escopeta calibre 12 de fabricação caseira e um revolver calibre 38 municiado.
Ele disse ao delegado que era o alvo dos criminosos que mataram na noite de segunda feira (05), Marcos Paulo Saraiva que foi executado dentro de casa na Rua 1º de Maio na Vargem.
Alex disse também que ainda chegou a trocar tiros com os rivais e que acabou sendo baleado, mas conseguiu fugir e sobreviver ao ataque.
Alex Xavier disse ainda que Marcos Paulo morreu inocente, pois não tinha a ver com o caso, mas por ter corrido ao ver o carro se aproximar foi perseguido e morto.
Um terceiro homem, que não teve o nome revelado, também foi preso, mas somente para averiguação, pois nada foi encontrado com o mesmo no momento da prisão. .




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mossoró registra o 191º homicídio de 2017. Corpo carbonizado e com marca de tiros foi encontrado as margens da BR-110

Mais imagens Fotos Marcelino Neto-O Câmera/Policia24hs Mossoró Um corpo foi encontrado carbonizado em cima de uma moto na manhã desta...