quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Polícia Civil prende suspeitos de homicídio em Mossoró

PASSANDO NA HORA
A DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa) tendo como titular Dr. Rafael Arraes, com apoio da Delegacia Defraudações, tendo à frente Dr. José Vieira, cumpriram nas primeiras horas da manhã desta quarta feira 21 setembro 2016, dois mandados de prisão, contra Rafael Mariano Ribeiro, 26 anos e Wesley Patrick Ribeiro de Souza, 21 anos que segundo o delegado ambos são primos. Segundo informações do Dr. Rafael Arraes, os dois são os responsáveis pelo crime da pessoa de: Mário Sérgio da Silva, 27 anos, açougueiro, morto no dia 30 abril 2016, (Relembre AQUI). Ainda de acordo com o delegado a vítima foi morta por motivo fútil, ou seja segundo o delegado somente por morar na região do Pirrichil que é tida como uma área de rivais da turma que residem na região da vargem. "Sem motivo algum, pois a vítima não tinha antecedentes criminais. Motivação somente por morar em uma área rival". Finalizou o delegado. A operação em combate ao crime e a repressão, começou logo nas primeiras horasda manhã. Rafael foi preso em sua residência na rua Olivério Olímpio, e não reagiu a prisão, ele mesmo abriu a porta. Já Patrick quando chegamos na sua residência na rua Francisco Holanda, tentou fugir pulou um muro, porém Dr. José Vieira percebeu em um terreno uns galhos de bananeiras mexendo e localizou ali o acusado. Os dois moravam próximos, ali na área da Vargem ou Papoco assim queiram chamar. Os dois segundo o delegado serão ouvidos pela DHPP, em seguida encaminhados para o ITEP, para realizar exames de corpo delito e em seguida serão conduzidos para a Cadeia Pública de Mossoró. Com eles os policiais não encontraram nenhuma arma. Se bem que, segundo relato do delegado, é comum naquela região a polícia receber denúncia que os dois tanto andavam armados como atirando em via pública, tirando de certa forma a tranquilidade das pessoas de bem na região. A dupla já tem passagens por porte ilegal de arma de fogo e serão investigados por outros crimes de homicídios na região.



Nenhum comentário:

Postar um comentário