quarta-feira, 18 de maio de 2016

Homicida foi morto em emboscada no município de Olho D'água dos Borges

MOSSORÓ HOJE
O presidiário Onildo Hugolino da Silva Júnior, de 26 anos, natural de Caraúbas, foi executado a tiros no início da manhã desta quarta-feira (18), na zona rural de Olho Dágua do Borges, na região Oeste potiguar. Ele foi alvo de uma emboscada quando retornava para casa e foi morto às margens da rodovia RN – 078, na comunidade de Grotão.
Segundo a Polícia Militar, “Malapomba”, como era mais conhecida a vítima, teria passado a primeira noite no Centro de Detenção de Patu, onde cumpria pena por homicídio no regime semiaberto. No trajeto para casa, ele foi abordado por homens encapuzados que estavam em uma Hilux e assassinado com tiros de revólver calibre 38 e espingarda calibre 12.
Para a PM, ainda não há indícios sobre o que teria motivado o crime. Seu corpo foi removido pelo ITEP para ser examinado e liberado para sepultamento. A Polícia Civil de Patu fará o levantamento das informações para investigação.
Onildo foi preso em novembro de 2014 pela Polícia Civil de Caraúbas, em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela Justiça do Paraná.
Ele foi julgado e condenado a sete anos de prisão por matar Elvis Dias de Brito, de 31 anos, em novembro de 2010, no município de Umuarama, no estado do Paraná.
O acusado teria retornado a sua cidade natal, Caraúbas, para fugir da polícia, mas acabou preso.




Nenhum comentário:

Postar um comentário