quarta-feira, 6 de abril de 2016

Mas informações sobre a prisão dos acusados de latrocínio contra o professor Diogo Nóbrega

 
FOCOELHO
Uma investigação conduzida pela 2ª. Delegacia de Polícia Civil de Parnamirim, com apoio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), revelou que Jefferson Santos da Silva, conhecido como “Lilinho”, 20 anos, é um dos suspeitos de ter roubado e matado o professor universitário Diogo Rosenberg da Silva Nóbrega, 26 anos, no dia 20 de fevereiro deste ano. O corpo da vítima foi encontrado um dia após, próximo às falésias da praia de Cotovelo, em Parnamirim.
A Polícia Civil também identificou que Mayara de Souza Gomes foi a responsável por ter vendido o aparelho celular que foi roubado do professor. Os detalhes da investigação e das prisões foram revelados, na manhã desta quarta-feira (06). Os dois suspeitos, e mais um outro homem que comprou o aparelho celular roubado, estão presos...







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Homem foi atingido por disparos de arma de fogo em Caicó

 JAIR SAMPAIO Por volta 12h25min deste Domingo (30), foi registrado tentativa de homicídio em um bar em frente ao Hospital Regional do S...