sexta-feira, 18 de março de 2016

Caso Joyce Geyse: Justiça expede mandado de prisão contra condenado por morte da jovem em Santa Cruz

EDIPO NATAN
A Justiça do Rio Grande do Norte expediu mandado de prisão contra Marlos Gustavos de Caldas Brito. Ele foi condenado no ano de 2011 pelo assassinato de Joyce Geyse da Silva Borges, crime que ocorreu no ano de 2003 e que chocou Santa Cruz.
O juiz José Undário Andrade, da comarca de Santa Cruz, se utilizou de um novo entendimento que o Supremo Tribunal Federal (STF) publicou a respeito dos condenados em segunda instância. Segundo o entendimento da principal corte brasileira, aqueles condenados em segunda instância pela Justiça, já podem começar a pagar sua pena, mesmo que o réu recorra em instâncias superiores.
Com esse entendimento válido desde fevereiro deste ano, o juiz de Santa Cruz determinou a prisão de Marlos Gustavos no dia 10 de março e partir daí o réu condenado já virou um foragido da justiça, pois ele não se apresentou em nenhuma delegacia de polícia e já entrou com um pedido de Habeas Corpus para tentar reverter o pedido de prisão.

CASO JOYCE GEYSE
A jovem Joyce Geyse da Silva Borges foi brutalmente assassinada na madrugada no dia 10 de outubro de 2003, com um tiro na cabeça no apartamento onde morava com o condenado pelo crime. Marcos Gustavos de Caldas Brito, seu namorado na época, foi acusado do assassinado e, após diversas protelações, foi condenado pelo crime em setembro 2011.
O caso causa comoção até hoje na população santacruzense, principalmente porque o condenado nunca cumpriu a prisão.
Com este fato novo entendimento e pedido de prisão expedido, familiares e amigos de Joyce Geyse esperam que o caso tenha um desfecho com a prisão do réu condenado.







COMPRE AQUI SUA BIKE EM ATÉ 10X NOS CARTÕES, VISA, MASTER OU HIPER
  TEMOS OFICINA PARA MOTOS E BICICLETAS COM PROFISSIONAIS QUALIFICADOS

Nenhum comentário:

Postar um comentário